O papel das universidades no diagnóstico de Covid-19

Tema será abordado em palestra durante V Congresso da ABCF

Michelly Pereira, palestrante

Cursos superiores de Ciências Farmacêuticas têm realizado trabalho intenso de pesquisa, inovação e serviços destinados ao enfrentamento da Covid-19.  “As universidades têm um papel fundamental tanto na pesquisa quando na prestação de serviço de diagnóstico para COVID-19”, diz Michelly Pereira, professora adjunta de Farmacologia do Departamento de Farmacologia e Fisiologia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e pesquisadora do Núcleo de Pesquisa em Inovação Terapêutica Suely-Galdino (Nupit-SG).  

Segundo ela, a UFPE tem atuado em diversas frentes para o enfrentamento da Covid-19 com ações em pesquisa, incluindo a busca de biomarcadores de prognóstico, sequenciamento genético das cepas circulantes em Pernambuco, além da produção de álcool e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). A UFPE também firmou convênios, tanto com a prefeitura de Recife/PE quanto com o Ministério Público, para a ampliação da testagem para o diagnóstico da Covid-19 por testes do tipo RT-PCR, em tempo real. “O objetivo é ampliar o número de pacientes diagnosticados com Covid-19 e permitir melhor acompanhamento e o devido isolamento e tratamento dos pacientes mais graves”, explica Michelly.

Na parceria, o Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE) é responsável pela coleta do material, triagem e envio para o laboratório da UFPE. Já a universidade utiliza seus equipamentos e o corpo técnico para análise do material. As amostras são coletas a partir de secreções nasofaringeais e/ou orofaringeais obtidas pelo swab (“cotonete; haste”). O teste RT-PCR é considerado o mais específico e sensível, com eficiência acima de 96%, e sem reação cruzada com outros vírus respiratórios, o que aumenta a especificidade de detecção.

Michelly abordará o trabalho da UFPE no diagnóstico e pesquisa da Covid-19 no V Congresso da da Associação Brasileira de Ciências Farmacêuticas (ABCF), dia 3 de outubro, às 11h, na Sala Virtual 2. Os participantes receberão por e-mail o atalho para entrar nas salas e acompanhar as palestras e instruções para apresentação de trabalhos. Para os associados a participação é gratuita e para os demais participantes, o valor da inscrição é revertido em admissão como associado à ABCF.

V Congresso da ABCF
De 1 a 3 de outubro
Inscrição: congresso.abcfarm.org.br
O Congresso é gratuito para associados. Para os demais participantes, o valor da inscrição é revertido em admissão como associado à ABCF.
Anuidade:
Graduandos (associados colaboradores): R$ 35,00
Pós-graduandos: R$ 85,00
Profissionais (incluindo pós-doutorandos): R$ 120,00

Compartilhe esta notícia:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp